AEDES AEGYPTI PRECURSOR DO ZIKA VIRUS E A INTERVENÇÃO DA FISIOTERAPIA NA MICROCEFALIA: REVISÃO SISTEMÁTICA

Altair Argentino Pereira Júnior, Suelen Feron

Resumo


O Zika Vírus ocasionou um grande número de casos de microcefalia, sendo esta uma má formação cerebral que resulta em sequelas neurológicas. O objetivo deste estudo foi verificar a relação da transmissão do Zika vírus, suas consequências neurológicas e a ação da fisioterapia. Foi realizada uma revisão bibliográfica com busca de artigos científicos em base de dados (Lilacs, Medline, Scielo) com os seguintes descritores: Microcefalia, Zika vírus, Fisioterapia, Reabilitação. A microcefalia é uma anomalia craniofacial que resulta na malformação do sistema nervoso central (SNC), tal alteração estrutural interfere diretamente no desenvolvimento geral da criança. A fisioterapia intervém no auxílio contra os efeitos desta patologia, pois estende seu conhecimento a parte neurológica, muscular e biomecânica. Os dados expostos neste trabalho possibilitaram uma melhor visualização sobre a problemática abordada, visto que os autores concluem que há uma associação do zika vírus com os casos de microcefalia.


Palavras-chave


Dengue; Zika vírus; Reabilitação; Microcefalia.

Texto completo:

PDF


Essa revista é melhor visualizada no navegador MOZILLA FIREFOX.

ISSN: 2175-1323 - R. Saúde públ. Santa Cat. Florianópolis, Santa Catarina - Brasil